U.N.S Idiomas - Inglês para sua vida.

As 10 maiores catchphrases do cinema

Cinema

As catchphrases são expressões de filmes, séries de tevê ou slogans publicitários. São expressões simples e que ficam grudadas na nossa memória de forma que é um contato com a língua inglesa que temos e que usamos sem perceber. Neste post, traremos para você 10 das maiores catchphrases do cinema de todos os tempos!

1 – “There’s no place like home” (The Wizard of Oz, 1939)

Em “O Mágico de Oz”, Dorothy Gale é levada por um tornado do Kansas para a Cidade das Esmeraldas, em Oz, que é governada por um mágico. Dorothy busca pelo auxílio do mágico para voltar para sua casa no Kansas. O mágico é desmascarado como um charlatão quando não consegue realizar o desejo da jovem de voltar para casa.

“There’s no place like home” é uma catchphrase tão famosa que está presente também em diversas músicas, inclusive numa música homônima de Elvis Presley.

2 – “Frankly, my dear, I don’t give a damn” (Gone with the wind, 1939)

Mesmo quem não aguentou assistir às 4 horas de “E o vento levou”, conhece o diálogo – e o fora – mais famoso do cinema. As falas de Scarlet O’Hara e Rhett Butler foram recentemente revividas pela W Magazine com atores do primeiro escalão de Hollywood invertendo os papeis – os homens interpretaram a fala feminina “If you go, where shall I go? What shall I do?”, enquanto as mulheres respondiam “Frankly, my dear, I don’t give a damn”. Você pode ver o resultado aqui.

3 – “I’m gonna make him an offer he can’t refuse” (The Godfather, 1972)

A trilogia mais famosa sobre a máfia italiana nos Estados Unidos traz, logo em seu primeiro filme, a catchprhase de Don Corleone. O filme é um clássico e conquistou todos os prêmios aos quais ele concorreu.

4 – “ET phone home” (ET, 1982)

A história do alienígena que se perde e conta com a ajuda de duas crianças para voltar para seu planeta natal sem virar cobaia do serviço secreto americano talvez tenha uma das maiores catchphrases de todos os tempos. Mesmo o extraterrestre teve de se virar no basic English para conseguir voltar para casa.

5 – “I’ll be back” (The terminator, 1984)

Este é, provavelmente, o caso mais famoso de uma catchphrase que gerou outra catchphrase depois de traduzida. Após o sucesso do primeiro filme da série Exterminador do Futuro, o ator Arnold Schwarzenegger utilizou a expressão traduzida “Hasta la vista, baby” nas sequências do filme, tamanho sucesso da expressão traduzida.

6 – “Run, Forrest, run” (Forrest Gump, 1994)

Forrest Gump é um clássico dos anos 1990. A catchphrase em questão é de Jenny Curran (Robin Wright) e é usada em diversos momentos do filme. Outra catchphrase de Forrest Gump, esta repetida diversas vezes pelo personagem central é “stupid is what stupid does” – traduzida como “idiota é quem faz idiotice”, outra tradução que pegou mais que a versão original.

7 – “To infinity… and beyond!” (Toy Story, 1995)

Muito comum para as crianças dos anos 1990, a catchphrase de Buzz Lightyear é repetida por diversos personagens da animação nos 3 filmes.

8 – “You jump, I jump” (Titanic, 1997)

Titanic também é um filme responsável pela criação de diversas expressões que reverberaram no fim dos anos 1990 e começo dos anos 2000 – “I’m the king of the world”, “You jump, I jump” e uma que virou meme nos últimos anos “Draw me like one of your french girls”.

9 – “I’m just a girl, standing in front of a boy, asking him to love her” (Notting Hill, 1999)

Julia Roberts já era uma atriz consagrada e mundialmente conhecida quando solta a frase mais impactante de “Um Lugar Chamado Notting Hill”.

10 – “Wanna play a game?” (Saw, 2004)

E não podia ficar de fora a frase que sustentou uma série 7 (com o oitavo filme em fase de gravações) filmes de terror. Basta o Jigsaw aparecer para a gente saber que era game on e salve-se quem puder!

Fique atento ao nosso blog para mais dicas de estudo e de inglês no mercado de trabalho. Acompanhe também nossa página no Facebook e no Instagram.

Redes Sociais

Acompanhe a U.N.S Idiomas nas redes sociais e fique por dentro das novidades.